Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Os dez melhores conjuntos LEGO da primeira década do séc XX (1ª parte)

por baixinho, em 06.10.16

No Fórum 0937 está a decorrer uma iniciativa onde será escolhido o melhor conjunto entre 2000 e 2009. Uma das regras é que cada utilizador poderá nomear 10 sets, desde que seja um por ano.

Navegar pelo Brickset percorrendo estes anos foi um exercício deveras interessante e, de certa forma, nostálgico. Esta foi a minha primeira década como AFOL e presenciei o aparecimento destes sets todos e adquiri muitos deles. Também foi interessante verificar o efeito que os sets tiveram quando foram lançados e a forma como são vistos agora.

Claro que em alguns anos a escolha foi muito difícil e, se calhar, se percorresse o Brickset novamente iria ter outros resultados. Tentei ter em atenção variedade de temas e não me limitar aos exclusivos (AKA Direct To Consumer).

Sem mais demoras, aqui fica a lista, ordenada cronologicamente.

 

Ano 2000 - 7191: X-wing Fighter

Foi, a par do 7181, o primeiro Ultimate Collector's Set dedicado especialmente aos adultos e assim a primeira de muitas naves Star Wars que foram transformadas em objectos LEGO especialmente para serem expostas. Com 1300 peças era um conjunto enorme para a altura e hoje em dia é um clássico, mesmo tendo em conta que a LEGO fez um novo UCS do X-Wing em 2013.

 

2001 3451: Sopwith Camel

Os UCSs da Star Wars não foram os únicos conjuntos a serem dirigidos para o público adulto no início do século. Este Sopwith Camel é um exemplo perfeito não só no tamanho e realismo, mas também na introdução de algumas técnicas avançadas.

Tinha como grande ponto fraco os autocolantes que eram de fraca qualidade.

 

2002 10020: Santa Fe Super Chief

Neste ano apareceram dois conjuntos que mudaram radicalmente a forma como a LEGO encarava a contribuição de AFOLs. Este 10020 e o 3739 foram conjuntos desenhados originalmente por AFOLs. O 3739 era um conjunto "amador" comercializado pelo autor, Daniel Siskind (que ainda continua a comercializar MOCs seus) em que a LEGO se interessou e passou ela também a comercializar (com algumas alterações). Porventura o primeiro "Ideas". O 10020 foi, penso eu, desenhado propositadamente para ser um conjunto.

De notar também a forma como a LEGO lançou o conjunto. As primeiras 9999 unidades tinham um tile numerado e dessas, a primeiras dez foram leiloadas no eBay. Foi um sucesso entre os AFOLs e eu próprio cheguei a comprar duas unidades (ambas não numeradas).

 

2003 10027: Train Engine Shed

A LEGO continua a piscar os olhos aos AFOLs trainheads, desta vez com uma cocheira toda cheia de pequenos pormenores que fez as delícias ao pessoal.

Hoje em dia quando olho para os excelentes pormenores que existem nos interiores dos modulares, é este conjunto que vejo como a pré-história do cuidado que a LEGO tem agora com esses detalhes.

Além disso vinha também preparado para ser utilizado em pares, o que lhe conferia um maior valor na altura de utilizar em displays.

 

2004 4886: Building Bonanza

Este para mim é o conjunto que simboliza a retoma da LEGO em termos de qualidade e mais tarde financeira. Representa bem o voltar às origens, onde peças básicas servem perfeitamente para construir casas e com um aspecto simples mas eficaz.

Este conjunto é também o primeiro de uma longa série, o das "casinhas" Creator. Série esta que todos anos nos dá alguns dos melhores conjuntos do tema.

 

 2005 7018: Viking Ship challenges the Midgard Serpent

Este foi um ano em que tive algumas dificuldades em conseguir nomear um conjunto significativo. A escolha recaiu sobre este barco viking que, apesar de não estar lá muito correcto em termos históricos, foi o ilustre porta-estandarte de um tema que amenizou a falta de um tema medieval de jeito na altura.

Felizmente as barbas que ficaram pelo caminho (preferiram fazer os moldes para os dragões e serpentes) foram lançadas mais tarde em outros temas.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:21



Pesquisar

Pesquisar no Blog





O meu próprio tema LEGO

Wiki OutroMundo