Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Os 10 melhores conjuntos LEGO de 2016

por baixinho, em 18.01.17

No ano passado comecei a tarefa de listar os melhores sets LEGO do ano e, como é uma tarefa que pretendo continuar, aqui estão os de 2016 (com algum atraso). Deu algum trabalho percorrer as páginas no Brickset, mas este ano não tive muitos sets interessantes que me passaram ao lado. Rapidamente fiz a escolha dos preferidos e depois foi filtrar até chegar aos 10.

Lembrando que os critérios são pessoais, aqui estão os melhores sets de 2016:

 

10251: Brick Bank

A LEGO (ou melhor dizendo, o Jamie Berard) não sabe fazer maus modulares e os novos superam sempre em alguma coisa os anteriores. O Brick Bank só confirma a regra onde as técnicas de construção, a utilização em situações novas de peças já existentes e até a originalidade de algumas situações representadas elevam este conjunto à condição de excelência.

Sem dúvida algumas que os tempos dos modulares mais fraquinhos já passou!

 

10253: Big Ben

É um conjunto que se pode dizer que é monumental. A réplica está bem concebida contendo muitos dos pormenores do original tudo numa proporção muito aproximada. Adorei a introdução de muitas peças em novas cores bem como a utilização de algumas técnicas nada ortodoxas.

 

21306: The Beatles Yellow Submarine

Nunca esperei que a LEGO lançasse este conjunto e agora que o lançou, 'tou mortinho para lhe por as mãos em cima. A LEGO fez um excelente trabalho em transformar uma ideia original mas com uma execução medíocre num set muito interessante, apelativo e cheio de excelentes detalhes. Está no topo da minha wishlist e é dos raros sets LEGO que quero ter na minha secretária

 

41130: Amusement Park Roller Coaster

Friends nesta lista? Pois, é verdade e não é o único. Este conjunto bate tudo em originalidade (nunca imaginei ver uma montanha russa num set LEGO) e é a prova viva de que Friends é superior ao tema City em várias coisas.

De notar que este conjunto foi desenhado pelo nosso conterrâneo Ricardo Evildead Silva.

 

41180: Ragana's Magic Shadow Castle

Se Friends consegue ser melhor que City em algumas coisas, então nem se fala nos Elves. É que basicamente esta linha está a ser aquilo que um tema de Castelo devia ser. Uma história de contexto relativamente simples e, principalmente, uma continuidade através dos anos. Este castelo tem vários pormenores góticos bastante interessantes e até nem me posso queixar muito do esquema de cores utilizado. Continuo a perguntar-me é se aqueles capuzes e cabeleira ficam bem em minifigs.

 

42054: CLAAS XERION 5000 TRAC VC

Tudo o que tenho lido sobre este set é que excelente apesar de não ser o flagship do tema. É interessante ver a LEGO variar nos veículos representados no tema Technic, mas sem esquecer os habituais temas.

 

42056: Porsche 911 GT3 RS

A LEGO conseguiu fazer deste set um objecto de culto. O set é interessante cumprindo os objectivos mas sem brilhar. Mas a forma como a LEGO lançou o conjunto e como se deu ao trabalho de fazer uma caixa única, eleva o conjunto a uma das vedetas do ano.

 

70588: Titanium Ninja Tumbler

Surpreendentemente não vou destacar nenhum conjunto NinjaGo inspirado em steampunk para deixar o lugar a este pequenito Tumbler. Se a forma do veículo que transparecia nas primeiras imagens já mostrava o seu interesse, então depois de o "ver" com as mãos fiquei convencido da qualidade do set. Está cheio de pequenas surpresas/gadgets que levam a pensar o que não se pode fazer num espaço tão pequeno. Outro que está também na minha wishlist.

 

71011: LEGO Minifigures - Series 15

Confesso que uma das particularidades que me fez gostar mais desta série não foi tanto a série em si, mas o facto que tive que andar a comprar aos poucos no Continente lá da terra. Mesmo assim todos os minifigs tem o seu interesse e alguns deles são excelentes. Destaco o Farmer, Astronaut, Frightening Knight, Flying Warrior e o Faun.

Sim, sou daquelas pessoas que não consegue ver qualquer piada no Shark Suit Guy.

 

75827: Firehouse Headquarters

É imponente e é daqueles sets que parece que não falta nada (o que não se pode dizer o mesmo das traseiras do castelo da Disney). Gosto dos vários detalhes que o Marcos Bessa (sim, mais um set de um português na lista) conseguiu colocar no set bem como do aspecto realista que a parte exterior tem. É caso para dizer que é um clássico instantâneo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:48


Pesquisar

Pesquisar no Blog



subscrever feeds



O meu próprio tema LEGO

Wiki OutroMundo