Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



'Tá quase

por baixinho, em 29.03.06
A LegOficina está quase pronta (e, também, o resto da obras lá em casa).
Não vou mudar muito na LegOficina, só a disposição de alguns móveis e das gavetas de peças LEGO®. A novidade vai estar num segundo quarto dedicado ao hobbie. Vou colocar duas grandes bancas para colocar material já montado. Vão estar em "L" e terão 90 cm de largura. O comprimento será de quase 5m. Além disso terei as duas mesas de exposição, com 1,20m por 1,20m, que já possuia. Com isto tudo poderei "treinar" os meus displays. Estou a pensar que uma parte da banca seja dedicada a uma cidade permanentemente.
Por baixo da banca terei espaço para arrumar as caixas de alguns conjuntos por abrir e o stock da Mini.
Mais uma ou duas semanas...
LBaixinho

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:08

Encomendas à Shop@Home

por baixinho, em 28.03.06
Fiz uma encomenda na shop@home há algum tempo. Nela tinha incluido umas baseplates 627. Não é o meu espanto que, quando as recebi, vinham sem o plástico protector. Pergunto-me se tivesse telefonado a pedir as baseplates como outras peças quaisquer se não ficaria mais barato... (ver alguns posts de Janeiro)

LBaixinho

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 21:35

Pick a Brick em Orlando, EUA

por baixinho, em 25.03.06


O namorado de uma amiga minha visitou a Disneyland nos Estados Unidos, sabendo que eu gostava de LEGO® e vendo um Pick a Brick*, comprou um copinho com uma boa variedade de peças. Muitas delas bastante boas, outras só pecam por só haver de um lado (as portas e algumas wedges)
Mais fotos nesta pasta.

LBaixinho
*Pick a Brick: algumas lojas de brinquedos e quase todas da LEGO (não confundir com LEGOWear) possuem uma parede cheia de gavetas ou pequenos aquários com peças de vários tipos. Pode-se escolher as peças e as colocar num copinho. O copinho da fotografia acima custou 7 doláres. Para já não existe PaB em Portugal e segundo as informações que tenho, também não está nos planos...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 17:34

Dias difíceis

por baixinho, em 20.03.06
Depois de uma semana já de si complicada (obras em casa, trabalho e saúde de familiares) entrei num fim-de-semana cheio.
Sábado completamente dedicado ao First LEGO League. Coisas boas, coisas más... principalmente a alteração do tempo limite para a realização das provas no dia de prova, o que penalizou seriamente a equipa que treinei.
Domingo alucinante. Primeiro quase que sou passado a ferro por um comboio (grande estupidez a minha) com um ISD nas mãos. No final da manhã recebo a triste notícia do falecimento de uma colega na PLUG. Rosália Oliveira.
Fiquei chocado e ainda nem tenho palavras para o sucedido. Como é que pode acontecer uma coisa destas a uma pessoa tão nova...
Os meus sentimentos para a família e pessoas chegadas.
...
Segue-se as duas últimas semanas do segundo período. Muitos trabalhos a entregar, trabalhos a corrigir e mais a organização de eventos na escola onde trabalho.
E a nossa LegOficina que nunca mais está pronta... :(

LBaixinho

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 06:43

Set: 4766 Duelo no Cemitério

por baixinho, em 06.03.06
 

Referência: 4766
Nome: Duelo no Cemitério
Tema: Harry Potter
Ano de Edição: 2005
Número de peças: 548
Preço: 39,99 euros
Dados de compra (local, preço e data): Mini âncora, 33 euros, Fevereiro de 2006
Instruções: Livro um pouco maior que A5 de 60 páginas. Vem uma imagem de uma construção alternativa. Tem autocolantes. As saquetas vem identificadas com números (1 a 4) para facilitar a construção.

Link do Brickset Link para mais fotos

As peças:
Quatro minifigs e vários esqueletos. De salientar que um dos esqueletos é de cor preta!
O preço por peça é de quase 14 cêntimos, relativamente caro, mesmo contando com a quantidade de peças raras ou mesmo exclusivas deste conjunto. Além das peças exclusivas e raras (algumas de fácil utilização outras nem por isso) o sortido de peças é bom e de grande utilidade. Principalmente para construções medievais ou baseados em histórias do E. A. Poe.
Devido à divisão por saquetas, a quantidade de peças bónus é considerável. 8/10

A construção:
Construção simples dividida em 4 grandes grupos (ver fotos na pasta do brickshelf).
Algumas boas técnicas para causarem efeitos eficazes. Saliento a boa colocação de hinges ou peças soltas!
Só tenho pena de duas coisas: que não ter uma baseplate para colocar as várias campas; ser nos novos cinzentos, esta é um conjunto que só ganharia com os cinzentos antigos!

7/10

O desenho:
Excelente. Só terei mesmo de apontar negativamente os dois pontos descritos no parágrafo anterior.
Positivamente realço pormenores muito bem conseguidos. A torneira da água para as flores das campas, o caixão na carroça, a própria carroça, o anjo negro, o jazigo e a árvore.
Pena que o desenho alternativo seja fracote.

9/10

Jogabilidade:
Não vi o filme :(
Mas 4 minifigs, alguns esqueletos, várias campas em que todas tem algo para se mexer, etc. Isto deve dar para fazer algumas brincadeiras mesmo não tendo mais nenhum conjunto LEGO®.
Para os mais graúdos conta o factor coleccionismo, principalmente nos minifigs exclusivos.

9/10

Conclusão:
O grande ponto fraco é o facto de ser caro para o número de peças (sem contar as de bónus). Mas facilmente é contrabalançado pelo facto de ter várias de difícil aquisição. Quase todas elas são úteis para construções de época. Além do factor peças temos a boa implementação de algumas técnicas e efeitos bem conseguido.
Como brinquedo possui a vantagem de ter vários minifigs e quase todas as construções tem algo para mover!
Pena ainda não ter visto o filme para poder fazer comparações.

8/10

LBaixinho

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:07

ISD

por baixinho, em 05.03.06
ISD, que para quem não sabe, é a sigla de Imperial Star Destroyer. Famosa nave espacial (a segunda a aparecer) do universo Star Wars.
Famosa também no universo LEGO®, pois foi o primeiro conjunto gigante. + de 3000 peças, quase um metro de comprimento e a custar (na altura, 2002) 300 euros!
Pois, comprei uma :)
Como a LegOficina ainda não está pronta, não a posso montar. Tarefa que conto que demorará uma semana!
Claro que isso não me impediu de a abrir para verificar se as peças que contém são o cinzento antigo*, isto porque existem várias versões deste conjunto. Isto das versões é um assunto a explorar mais tarde num outro post.
A caixa é enorme e pesadissíma. No interior tem quatro caixas brancas cheias de peças. Não tem nada a haver com os conjuntos normais onde metade da caixa está vazia... estas caixas estão mesmo cheias! O manual vem com argolas, protegido por um plástico e tem mais de 200 páginas.
Depois de verificada a cor, toca a fechar tudo e esperar... esperar... esperar...

e por aí fora :)

fotos nesta pasta.

LBaixinho

* vulgarmente a LEGO utiliza dois cinzentos que os AFOLs normalmente designam por light grey e dark grey (cinzento claro e cinzento escuro respectivamente). No final de 2003 a LEGO decidiu mudar ligeiramente estas duas tonalidades. Podem dar uma vista de olhos nesta pasta para verificarem as diferenças. Essa mudança deu um c* de boi dentro da comunidade AFOL (Adult Fan Of LEGO)... que a própria LEGO admite que se soubesse, das repercussões da mudança das cores, não a teria feito!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 14:32

Novo Aspecto

por baixinho, em 05.03.06
Aproveitando a nova versão dos blogs da Sapo, a LegOficina também vai mudar.

Por isso não liguem muito ao aspecto do Blog nos próximos dias... está em reconstrução.

LBaixinho

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:30

ISD

por baixinho, em 05.03.06
ISD que para quem não sabe é a sigla de Imperial Star Destroyer. Famosa nave espacial (a segunda a aparecer) do universo Star Wars.
Famosa também no universo LEGO®, pois foi o primeiro conjunto gigante. + de 3000 peças, quase um metro de comprimento e a custar (na altura, 2002) 300 euros!
Pois, comprei uma :)
Como a LegOficina ainda não está pronta não a posso montar. Tarefa que conto que demorará uma semana!
Claro que isso não me impediu de a abrir para verificar se era em cinzento antigo*, isto porque existem várias versões deste conjunto. Isto das versões é um assunto a explorar mais tarde num outro post.
A caixa é enorme e pesadissíma. No interior tem quatro caixas brancas cheias de peças. Não tem nada a haver com os conjuntos normais onde metade da caixa está vazia... estas caixas estão mesmo cheias! O manual vem com argolas, protegido por um plástico e tem mais de 200 páginas.
Depois de verificada a cor, toca a fechar tudo e esperar... esperar... esperar...

e por aí fora :)

fotos nesta pasta.

LBaixinho

* vulgarmente a LEGO utiliza dois cinzentos que os AFOLs normalmente designam por light grey e dark grey (cinzento claro e cinzento escuro respectivamente). No final de 2003 a LEGO decidiu mudar ligeiramente estas duas tonalidades. Podem dar uma vista de olhos nesta pasta para verificarem as diferenças. Essa mudança deu um c* de boi dentro da comunidade AFOL (Adult Fan Of LEGO)... que a própria LEGO admite que se soubesse, das repercussões da mudança das cores, não a teria feito!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:53

OMG!! *

por baixinho, em 04.03.06
LEGOFactory TLBX Mech03b
Ainda lhe irei perguntar para que servem os tubos...

Há algum tempo atrás encontrei no blog do Jake Mackee um link para uma espécie de ”diário de um Master Builder americano da LEGO em Billund” (livejournal). A referência do Jake ao diário era prometedora, e lá fui eu…

Resumindo drasticamente a história:
O jovem AFOL norte-americano chama-se Jamie, tem 30 anos e esta aventura começa no dia 22 de Novembro de 2003, em que ele vai a uma entrevista para concorrer ao posto de Model Builder. O relato do dia 24 de Novembro explica-nos exactamente como se processou a entrevista e testes.
Mais testes se seguiram na LEGOland Califórnia, desapontamentos e em Dezembro de 2005 sem saber como, o sortudo acaba a fazer um estágio em Billund!!
A partir de 6 de Janeiro os relatos são quase completamente dedicados à LEGO, ao seu trabalho, colegas e aventuras em Billund.
No relato de 28 de Fevereiro de 2006, quase fiquei gaga com o susto quando li:

"(…) Rounding out the month of February, this was a pretty cool week at work. Much to my surprise, Phil and I got the distinct pleasure of hopping teams over to play themes. I have a private fixation with the mini-fig, so to get put on a project that can create a whole new world of adventures for him was right up my alley. At my first briefing, I knew this was a magical place...there was a budget for new elements...colors...patterns and designs! Overload!! Considering that Creator is fighting just to save the color brown from extinction, it's been quite a change from what I'm use to. (…)"

Fiquei sem palavras ….

Neste relato ele dá umas explicações interessantes quanto à problemática das cores.
Em todos os outros ficamos a conhecer pormenores hilariantes da sua vida em Billund, completamente opostas ao que Jamie estava habituado, e mesmo respeitando o NDA**
Acabamos por ficar a saber o que vai acontecendo nos projectos em que está a participar!
(não, não sou cusca)

No web site dele encontrarão um link chamado Lego, onde tem imenso para explorar e descobrir. Tipo ver fotos da final mundial de FLL em Atlanta 2005, vale a pena!!!!

Livejournal (Blog)

Web Site

* - Oh My God!!!! (pelos vistos é tique deles ;)
** - Non-disclosure agreement. (Contrato de confidencialidade).

Tânia Baixinho

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:12

LEGO® Factory

por baixinho, em 04.03.06

LEGOFactory TLBX Mech03b




Finalmente chegou o primeiro conjunto que construí através do LEGO® Digital Designer (LDD).
O LDD apesar de não ser tão poderoso como o MLCad (LDraw) é de muito mais fácil utilização. Outra limitação importante do LDD é a variedade de peças disponíveis. Mas neste ponto não nos podemos queixar muito, porque as peças disponíveis no LDD são as disponíveis no LEGOFactory e que poderemos encomendar.
Depois de criarmos o nosso MOC, poderemos enviar a construção para o site da LEGO e encomendar as peças necessárias para o construir em casa.
Passados alguns dias chega uma pequena caixa com a frente em plástico transparente semi-rígido e por baixo vem uma folha com o MOC impresso (sim, fiquei decepcionado, pensei que fosse na própria caixa). Nessa caixa vem todas as peças do MOC e mais algumas adicionais. Esse “mais algumas” é que pode tornar a caixa do LEGOFactory caríssima se não tivermos cuidado na escolha dos “bags”*.
As fotos da caixa podem ser visualizadas nesta pasta, a construção é uma pequena variação do TLBX Mech03 que pode ser visto nesta pasta.

*Bags:
Quando se encomenda um MOC na LEGOFactory, não se encomenda as peças necessárias para o fazer, mas sim os bags que são necessários. Existem vários tipos de bags e cada um tem uma quantidade e variedade de peças própria. Se o nosso MOC precisar de uma única peça de um bag, vem o bag inteiro e isso encarece o preço final.
Os bags que existem são as saquetas que vem no conjuntos Designers Sets do ano passado mais algumas saquetas exclusivas da Shop@Home. Quando criamos uma nova construção, aparece logo o “available assortment” onde podemos escolher os vários bags disponíveis.
A LEGO® afirma que o número de bags disponíveis irá aumentar com o decorrer do tempo!

LBaixinho

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:01

Pág. 1/2



Pesquisar

Pesquisar no Blog



subscrever feeds



O meu próprio tema LEGO

Wiki OutroMundo